Como reaproveitar as flores do seu casamento fazendo a alegria de um idoso!

Um dos itens mais importantes numa cerimônia, e na festa de casamento, são as flores. Elas garantem o charme da decoração e marcam para sempre, o seu grande dia.

Depois de escolher com tanto carinho o seu tipo de flor e estilo favorito de decoração dá até pena descartar tudo, certo? Então que tal participar de uma iniciativa bem bacana que está mudando a vida de pessoas de uma maneira bem simples?

Foto: Márcio Sheny

Basta colaborar com um dos projetos voluntários que reaproveitam as flores usadas em casamentos para produzir novos arranjos e distribuí-los em lares de idosos. Isso mesmo! Um pequeno gesto pode garantir o sorriso de pessoas que realmente precisam de carinho e atenção.

Se você ainda está em dúvida, não deixe de ler o post com conselhos mega úteis sobre como escolher as flores perfeitas para a decoração do seu casamento!

Foto: Maia Films
Foto: Divulgação Projeto Florir

Flor Gentil

Um dos projetos pioneiros é o Flor Gentil, de São Paulo, que começou em 2009 a partir do questionamento da florista Helena Lunardelli. Ela buscava alguma maneira para ajudar mais pessoas com o seu trabalho.

Foi depois de conversas com as equipes de desmontagem e limpeza das festas que surgiu uma reflexão: por que não aproveitar aqueles arranjos tão bonitos de flores? Muitos funcionários relatavam as dificuldades que tinham para pagar as flores de uma festa de 15 anos da filha ou do próprio casamento. Desde então, Helena dá nova vida aos arranjos de flores. A opção pela terceira idade foi uma decisão do coração, já que a florista sempre teve uma relação muito especial e próxima com os seus avós.

Veja também outra história inspiradora com Marcella e Henrique: a prova de que o AMOR cura!

Foto Divulgação Instituto Flor Gentil
Foto Divulgação Instituto Flor Gentil
Foto Divulgação Instituto Flor Gentil

Como funciona?

O Flor Gentil recebe doações de floristas, decoradores, noivas e todo tipo de empresas que trabalham com flores e que iriam jogar no lixo os arranjos usados nas festas. As flores são separadas por voluntários que desfazem os arranjos e montam outros menores para ser distribuídos em 32 instituições voltadas ao bem-estar de idosos.

O projeto tem ainda o Fundo Gentil destinado a ajudar a decorar eventos de pessoas de baixa renda, além de outras instituições assistenciais que não têm como arcar com esse custo. Nesse caso, a equipe do Flor Gentil faz os arranjos para a decoração de acordo com as doações recebidas.

Sabe qual flor vai invadir os casamentos de 2016? Veja nossa galeria repleta de lindas Hortênsias.

Foto Divulgação Instituto Flor Gentil
Foto Divulgação Instituto Flor Gentil

Voluntários 

Todo o trabalho é feito por voluntários: desde a retirada das flores, triagem do material recebido e desmontagem dos arranjos, produção dos novos arranjinhos e entrega dos mesmos nas casas de repouso. Em média, participam 70 voluntários por mês e durante a semana são cerca de 30 pessoas ajudando.

Para doar, ser voluntário ou apenas conhecer um pouco mais do trabalho do Instituto Flor Gentil, entre em contato com eles através do e-mail contato@florgentil.com.br e pelo facebook facebook.com/FlorGentil.

Sabia que cada flor tem um significado? Confira aqui e escolha as flores do seu buquê de noiva!

Foto: Divulgação Projeto Florir
Foto: Divulgação Projeto Florir
Foto: Divulgação Projeto Florir
Foto: Divulgação Projeto Florir
Foto: Divulgação Projeto Florir

Ecologia

Outro aspecto importante do projeto é a preocupação com a sustentabilidade. A maior parte do material doado é reciclada: flores e espumas florais. Além disso, todo o lixo gerado é separado e os materiais reciclados são descartados adequadamente.

O projeto está iniciando um processo de trituração dos materiais orgânicos não utilizados (flores e folhagens que já não estão em condições de uso), gerando matéria-prima de ótima qualidade para compostagem. O objetivo é diminuir sensivelmente a quantidade de lixo gerado no processo.

Aproveite para ver nossa matéria ensinando como decorar seu casamento com suculentas em 2016!

Foto: Divulgação Projeto Florir
Foto: Divulgação Projeto Florir

A melhor recompensa

A recompensa por todo esse trabalho maravilhoso é o sorriso e a felicidade das pessoas beneficiadas! Os idosos que recebem as flores são sempre muito carinhosos e agradecem a gentileza com muitos sorrisos e beijos.

Se você gostou do projeto e quer doar as flores do seu casamento, deve combinar previamente a doação por email (contato@florgentil.com.br) para ser entregue na sede do projeto. As doações são recebidas de sábado à terça pela manhã.

No Brasil existem outras iniciativas semelhantes ao projeto pioneiro de São Paulo. Por exemplo, em  municípios como:

  • Pelotas (RS) com o Buquê de Amor;
  • Juiz de Fora (MG), Projeto Florir;
  • Limeira (SP), Projeto Flor Amor;
  • Birigui (SP), Ação Social Madalena;
  • Curitiba (PR), Auguri;
  • Belo Horizonte (MG), Projeto Amor Perfeito.

No seu casamento você também pode inovar usando um dos 5 penteados com flores naturais para uma noiva romântica. Confira!

Foto Divulgação Instituto Flor Gentil
Foto Divulgação Instituto Flor Gentil
Foto: Divulgação Projeto Florir
Foto: Divulgação Projeto Florir

Minas Gerais 

Quando conheceram o projeto Flor Gentil, um grupo de amigas de Juiz de Fora, em Minas Gerais, decidiu fazer o mesmo e trazer a ideia para Juiz de Fora. Assim, criaram o Projeto Florir, que tem como lema “flores que alegram e fazem sorrir”.

O Projeto Florir começou suas atividades em maio deste ano e, nesse período, já entregou flores para cerca de 10 instituições filantrópicas e particulares chegando a mais de duas centenas de idosos.

Foto: Divulgação Projeto Florir
Foto: Divulgação Projeto Florir
Foto: Divulgação Projeto Florir

Mais amor, flores e sorrisos

As histórias vivenciadas já renderam lágrimas e muitas alegrias para as voluntárias. Numa das entregas, um idoso revelou que nunca tinha recebido uma flor durante sua vida, o que rendeu lágrimas de emoção das voluntárias. Em outra ocasião, uma idosa com problemas para visão fez questão de segurar as flores e posar para a foto. As voluntárias garantem que o sorriso é sempre imediato durante as entregas.

O projeto possui uma página no Facebook e uma conta no Instagram. É através das mídias sociais que as organizadoras divulgam fotos, relatos e pedidos de doações para o Florir. As voluntárias ainda não contam com uma sede e realizam o trabalho em suas casas. Para fazer doações, basta entrar em contato por email (projetoflorirjf@gmail.com).

Foto: Divulgação Projeto Florir

Quer ajudar?

Além das flores, o projeto recebe doações de materiais de papelaria para a confecção dos buquês, como papel celofane, elásticos e fitas; esponja vegetal para montagem de arranjos; caixas plásticas (tipo as usadas em supermercados) para transportar as flores; e garrafinhas de vidro. A adesão de novos voluntários para podem ajudar na coleta e entrega das flores é sempre bem-vinda!

Aqui no Zankyou ficamos bem entusiasmados com esses belos projetos! Que tal ajudar também? Pode ser como voluntário ou doador de flores e materiais! Não importa como, desde que você seja parte destas iniciativas que continuam promovendo amor, mesmo depois de finalizada a sua festa! Já pensou que delicia imaginar que as flores que você já não vai utilizar podem fazer a felicidade de outras pessoas?

Gostou deste artigo? Compartilhe

Deixe seu comentário

Crie gratuitamente o site perfeito para seu casamento!

100% personalizável e com centenas de temas para escolher Ver mais layouts >

Quer divulgar a sua empresa no Zankyou?
O Zankyou oferece a oportunidade de mostrar o melhor da sua empresa para milhares de noivos que nos utilizam na organização do seu casamento em 20 países. Mais informação