Bom gosto e requinte no casamento de Gustavo e Cristo em Londres

Brasileiro e britânico celebraram sua união em um elegante e íntimo casamento civil no Chelsea Old Town Hall, com direito a detalhes personalizados para os convidados. Inspire-se!

  • Casamentos reais
  • Galleries

A história de Gustavo Bussmann e Cristo Stuart é prova de que o amor é maior que barreiras culturais. Gustavo é brasileiro, já Cristo é britânico, mas desde o primeiro dia em que suas vidas se cruzaram tiveram certeza de que era especial.

Os dois se conheceram durante uma viagem por estudos de Gustavo à Londres e o que era para ser um capítulo de sua vida virou um romance completo. “A ideia era ficar por 4 meses, mas depois do nosso primeiro encontro no British Museum, acabei ficando por mais de 3 anos. Nos conhecemos exatos 30 dias depois de eu chegar, então com certeza foi destino”, conta Gustavo.

salvar
Foto: Hayley Savage Photography

Com a certeza de que queriam estar na vida um do outro, os dois conversaram bastante sobre a ideia de morar juntos e se casar, então a decisão por uma cerimônia foi tomada em conjunto. A surpresa mesmo aconteceu na hora de contar para as mães dos noivos: “Levamos as duas para um brunch no restaurante Isabel, em Mayfair, e na hora da sobremesa os garçons trouxeram champagne e as alianças. Nisso, surgiram dois fotógrafos que estavam ‘disfarçados’ na mesa do lado e Cristo se ajoelhou para o pedido”.

salvar
Foto: Hayley Savage Photography

O casamento civil aconteceu em agosto de 2019 em Londres. Numa mistura perfeita do clássico com o moderno, o casal buscou alinhar o clima verão com drinks no jardim com uma recepção mais tradicional – jantar com mesas de banquete e decoração com velas e rosas brancas.

salvar
Foto: Hayley Savage Photography

“Como tínhamos um local mais colorido com papel de parede floral e luz natural e natureza vindo das janelas, optamos por detalhes mais sóbrios para o restante, por exemplo: cartão personalizado para os convidados com uma mensagem escrita à mão pelos noivos, em branco com o monograma em cinza. Ainda, tínhamos uma concha iridescente de Guernsey com as iniciais do convidado e um bem casado envolto em tricoline branco e laço chanel em cinza – simbolizando assim as duas culturas. Tudo isso fez parte da decoração e deu o tom descontraído e intimista que procurávamos”, relembra Gustavo.

salvar
Foto: Hayley Savage Photography

Um dos destaques foi a personalização de detalhes para os convidados, como por exemplo, escolher o cardápio com antecedência: “Dentre algumas opções fornecidas incluía vieiras com black pudding, pithivier de lagosta e fondant de chocolate com amêndoas e autêntico Crème Anglaise”.

As flores foram elaboradas pela Hayford & Rhodes, heritage Luxury Florists – arranjos com rosas brancas e orquídeas. Já as flores de lapela eram orquídeas philianopolis que ficaram perfeitas nos suportes trabalhados em prata.

salvar
Foto: Hayley Savage Photography

Por fim, o bolo era uma das atrações do salão, trabalhado a partir de uma referência do cerimonial Anderson Heidemann, que está organizando a festa de casamento no Brasil, e executado à perfeição pela amiga do casal, Tamsin Robinson, formada no Cordon Bleu e à frente do London Bakester.

O bolo foi idealizado por nós e hoje leva nosso nome no cardápio da London Bakester: massa de pistache, ganache de pistache e de chocolate branco e geleia artesanal de framboesas.

salvar
Foto: Hayley Savage Photography

Gustavo e Cristo escolheram o Chelsea Old Town Hall para casar: “Um dos mais antigos de Londres e cuja arquitetura adoramos”,  onde desceram a famosa escada em frente às portas azuis ao som de Pachelbel (Canon in D), música que tocou no primeiro concerto que assistimos juntos.

Além do juiz de paz, tivemos a leitura de um poema que diz muito sobre nós, Having a Coke with You, do modernista Frank O’hara. Em seguida, para a troca de alianças tivemos Rachmaninoff (Andante Cantabile).

salvar
Foto: Hayley Savage Photography

Tivemos apenas nossos pais e padrinhos na sala de cerimonia, e após este momento encontramos todos os convidados que nos esperavam nas escadas com pétalas de rosas dispostas em um papel personalizado para o dia pela família do Cristo.

salvar
Foto: Hayley Savage Photography

Quanto a beleza dos noivos, ele conta que queriam um look que fossem complementar para os dois, mas que não deixasse de representar a identidade de cada um. Gustavo vestiu smoking Bottega Veneta em um delicado jacquard preto e cinza, bordado com uma corrente prateada na lapela e sapatos Tom Ford, já Cristo usou smoking The Kooples com amarração em um cinto de franjas e sapatos que são sua marca registrada: slippers de veludo bordados, estes com corações e uma coroa. Este tem o design de uma tradicional marca inglesa, Crockett and Jones.

salvar
Foto: Hayley Savage Photography

Gustavo conta que eles sonham com uma grande festa, onde todos possam dançar juntos até o amanhecer, mas este acontecerá no Brasil ainda este ano. Para o casamento civil a prioridade foi planejar uma união com aqueles que eram mais próximos. “Priorizamos, assim, ter um momento em que todos os presentes se sentissem acolhidos e parte do nosso momento de união. Gostaríamos que todos se sentissem conectados e parte do momento – não espectadores”, ressalta Gustavo.

salvar
Foto: Hayley Savage Photography

Para ele, o momento mais importante foi uma surpresa: “Cristo surpreendeu a todos com um discurso feito inteiro em português. Alguns amigos viajaram do Brasil somente para a cerimônia, então nos dois tínhamos amigos próximos e a família do nosso lado”.

salvar
Foto: Hayley Savage Photography

Fornecedores: 

Espaço: The Phene | Terno dos noivos: Bottega Veneta / The Kooples | Decoração: Hayford & Rhodes, heritage Luxury Florists |Catering: The Phene e London Bakester | Fotógrafo: Hayley Savage Photography | Docinhos: London Bakester | Bem casado: Lia Bem Casaderia | Viagem de lua-de-mel: Hotel Vila do Vale