A meteorologia errou? Aprenda como driblar o mau tempo no dia do casamento!

A meteorologia errou? Aprenda como driblar o mau tempo no dia do casamento!

O que fazer quando chove de uma hora para outra bem no dia do seu casamento? Não se desespere! Confira as dicas das especialistas quando o mau tempo está totalmente fora do script.

  • Planejando o casamento
  • Conselhos
  • Inverno
  • Noivos

Não há como negar: o tempo no dia do casamento é a principal preocupação de 10 entre 10 noivas que vão casar ao ar livre. Mas isso, definitivamente, não tem sido um obstáculo para o sonho de dizer o sim a céu aberto: basta ver a enorme quantidade de casamentos realizados em praias, fazendas e jardins nos últimos anos! Embora os fornecedores de casamentos estejam cada vez mais preparados para proteger os noivos e os convidados de uma possível chuva, há aqueles casos em que o mau tempo está totalmente fora do script. O que fazer nessas horas? Confira neste post!

Confira também o post Imprevistos acontecem: veja como não ser pego de surpresa no seu casamento

salvarCasamento na chuva
Foto: Maíra Erlich

salvarFoto: Sarah Culver
Foto: Sarah Culver

Acredite: a meteorologia é nossa amiga!

Ok, a previsão do tempo pode até acabar errando às vezes. Mas não é por esse motivo que você vai ignorá-la por completo! Afinal, é ela que vai dar uma base sobre o que pode acontecer no grande dia, e assim, todos os envolvidos podem ficar preparados para as intempéries do tempo.

Não perca as últimas novidades para o seu casamento

Assine nossa newsletter

A cerimonialista Teresa Lamas, que trabalhava com cinema antes de entrar para o mundo dos casamentos, conta que trouxe do antigo trabalho o costume de consultar as ferramentas que informam a previsão para locais mais exatos, como o Climatempo. “O bacana é que estes aplicativos dão uma previsão do tempo certeira por região específica“, explica.

Vale ler também sobre Casamento na praia: dicas para um grande dia sem surpresas ou imprevistos

salvarcomo driblar a chuva no casamento
Foto: Patricia Bara

Prepare o budget!

Teresa ressalta, porém, um cuidado que independe da previsão do tempo para o dia do casório: quem opta por um casamento ao ar livre tem que prever no orçamento a contratação de uma cobertura, principalmente se não houver uma área coberta adequada para um plano B. Normalmente, este tipo de serviço não é barato e pode onerar bastante o custo final. Se o casal quiser deixar aparecer a beleza da paisagem, pode optar por uma tenda transparente (cristal), ainda mais cara que a fosca. Tudo isso deve estar dentro do budget previsto para o evento.

Em abril do ano que vem, por exemplo, já temos agendado um casamento que acontecerá na fazenda da noiva – ele será 100% externo, e de área coberta há apenas uma casinha de 3 quartos. Por isso, já estamos orçando o toldo para fazer o fechamento de uma área escolhida no local”, revela.

Veja também: Fazendas para casamento em São Paulo: 10 espaços espetaculares!

salvarcasamento na chuva dicas
Foto: Amanda Francelino

Atenção à época do ano

Outra boa maneira de se evitar surpresas com a meteorologia no dia do casamento é escolher um período do ano em que as mudanças do tempo aconteçam com menos frequência e as temperaturas sejam estáveis. Como o Brasil é um país de proporções continentais, isso depende diretamente em que região do país o casório vai acontecer. Thaís Esmerini, da Princess Assessoria, dá a deixa para quem mora em São Paulo:

Uma época bacana para casamentos ao ar livre em São Paulo tem sido em outubro e novembro, quando o clima ainda está ameno e não há grandes oscilações. Nesta época, se cair uma chuva na sexta, não cai no sábado“, conta. Outro ponto a se atentar, segundo ela, é em relação às temperaturas.

Vale avaliar se a locação escolhida é boa para a época, e adaptar algumas coisas para o clima: junho e julho são os meses mais frios, então os trajes das madrinhas, por exemplo, têm que ser pensados de maneira adequada“, explica.

Confira: Casar na praia, no campo, ao ar livre? Saiba qual é a melhor época em cada região do Brasil!

salvarcasamento ao ar livre
Foto: Sergio Ronaldo

E quando chove do nada?

Em um casamento ao ar livre, apenas um plano B pode ser pouco para driblar o mau tempo. Por isso, as melhores cerimonialistas estão sempre com mais de uma carta na manga para evitar que o dia do casamento se transforme em um desastre, deixando a noiva sempre posicionada a respeito do tempo, tanto antes, quanto no próprio dia do casamento.

Thais utiliza esta e outras táticas que costumam funcionar, sempre na medida do que for possível para o dia. “Nossos planos vão do A ao Z. O plano B em caso de chuva costuma ser direcionar o evento para uma área fechada e realizar a recepção ou cerimônia lá dentro. Se chove no meio do evento, a solução é colocarmos guarda-chuvas de suporte no casal e no celebrante para prosseguir com a cerimônia“, conta.

Porém, a cerimonialista frisa: a noiva é quem comanda e quem decide o que vai ser feito. “Já aconteceu de atendermos uma noiva que optou por casar na chuva, pois o sonho dela era realizar o casamento a céu aberto. Os padrinhos apoiaram a noiva na realização do sonho, e tivemos um cuidado redobrado para proteger os equipamentos de foto e vídeo“, explica a profissional.

salvarcasamento com chuva
Foto: Lucas Lima Fotografia

Chuva de bençãos!

Uma mudança de tempo totalmente inesperada bem na hora do casamento é o tipo de coisa que não há muito o que fazer. Nestes casos, mesmo que o casamento não fique exatamente do jeito que foi planejado, a dica é relaxar, curtir o dia, e aceitar os pingos do céu como uma benção para aquele dia especial, como sugere Teresa Lamas

Os convidados são familiares e amigos dos noivos, e costumam entender estas situações. Já atendi a um casamento em que até o sapatinho da noiva era de crochê; ele ficou todo sujo de lama, mas os noivos eram tão leves e tranquilos que lidaram muito bem com o imprevisto. E é essa alegria deles que vai ficar marcada para sempre“, conta a cerimonialista.

salvarcasamento na chuva
Foto: Etura Weddings

Depois dos relatos, dicas e das fotos deste post, tiradas de casamentos reais em que a chuva deu o ar da graça, descobrimos que os casais que fizeram do limão uma limonada aproveitaram muito o grande dia sem se preocuparem com a mudança de planos. Eles estão certos: afinal, existe melhor forma de celebrar o amor?

Gostou deste post? Então confira também a galeria Locais para casamento no Brasil em 2017: lindos e para TODOS os estilos!,  9 locais para casamento ao ar livre em BH: LINDOS de viver! e 10 espaços para casamento no Rio de Janeiro: simplesmente maravilhosos!

Escolha os fornecedores que você quer contatar.

Sergio Ronaldo Fotografias Fotógrafos para casamentos
Teresa Lamas Planejamento de Eventos Assessoria casamentos e cerimonial
Amanda Francelino Fotografia Fotógrafos para casamentos
Princess Assessoria Assessoria casamentos e cerimonial