Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos: sua história de amor contada por uma celebrante sensível e experiente, cujo dom é encantar e emocionar noivos e convidados

Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos: sua história de amor contada por uma celebrante sensível e experiente, cujo dom é encantar e emocionar noivos e convidados

Casais que sonham com uma cerimônia diferenciada, onde sua história é contada de maneira personalizada, recheada de poesia e emoção, não podem deixar de conhecer o belíssimo trabalho oferecido por Marina Bastos!

Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos: sua história de amor contada por uma celebrante sensível e experiente, cujo dom é encantar e emocionar noivos e convidados
  • Planejamento
  • Editor-choice
  • Sponsored
  • Cerimônia
  • Noivos

Imagine ter sua história de amor retratada através de um texto capaz de arrancar lágrimas e sorrisos, encantando a todos aqueles que fizeram questão de presenciar sua troca de votos? Marina Bastos, a celebrante contadora de histórias à frente da Amor em Contos Cerimônias, se utiliza de toda a sua experiência, carisma e criatividade, para recitar o amor em forma de poesia, criando textos totalmente personalizados para noivos que sonham com uma celebração emocionante e inesquecível.

salvarAmor em Contos Cerimônias por Marina BastosEntre em contato com Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos
Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos | Foto: divulgação

Marina Bastos é contadora de histórias há 12 anos, recebeu um prêmio por seu lindo trabalho em 2009 e admite ser uma grande apaixonada por histórias de amor. A celebrante já contou histórias para mais de 63.000 pessoas em 4 países, além de ter atuado na TV Cultura, SBT e Globo. Atualmente, possui um canal para crianças no Youtube e, em breve, lançará o podcast Amor em Contos, onde serão contadas as histórias de amor dos casamentos que celebra, além de contar histórias para crianças e adultos desenvolvendo projetos de storytelling em empresas e oferecer cursos e palestras ensinando a contar histórias. 

“Desde criança, leio muito e sempre gostei de escrever. Me formei em publicidade e trabalhei em grandes agências. Mas minha paixão era o teatro. Estudo teatro há 27 anos e já participei de 17 espetáculos teatrais e vários curtas-metragens.  Há 12 anos vivo de contar histórias, sendo 8 anos como celebrante contadora de histórias. Sempre me interessei muito pelas histórias de amor dos amigos. Queria saber como os casais se conheceram e o que os unia. Gostava de ouvir as histórias de amor da minha família e pedia para me contarem várias vezes. Até que em 2005 meus pais fizeram bodas de 30 anos de casamento e fiz uma surpresa: escrevi a história deles e fiz um álbum especial que juntava meu texto poético com fotos dos 30 anos de história deles. Foi lindo! Eles amaram e mostraram para a família toda”, relata Marina.

salvarAmor em Contos Cerimônias por Marina BastosEntre em contato com Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos
Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos | Foto: divulgação

A celebrante começou a escrever a história de amor de amigos e também suas próprias histórias, que eram postadas em seu blog, sendo indicada 3 vezes pela revista UOL como um dos 10 melhores blogs do mês. Com o aumento de seu trabalho, acabou parando com as postagens, até que seu pai acabou sendo internado por causa de um câncer no pulmão. A artista resolveu transformar sua dor em poesia e voltou a escrever, mas dessa vez, utilizou o Facebook e alguns de seus textos tiveram mais de 900 compartilhamentos, como as palavras que descreviam como seu pai acordou do coma ouvindo suas histórias.

“De poeta e contadora de histórias para celebrante contadora de histórias o caminho foi natural. Eu já escrevia histórias personalizadas para eventos e era apaixonada por histórias de amor. Então, desde que escrevi a história dos meus pais, fiquei imaginando que seria lindo que todos os casais pudessem ter a oportunidade de ter sua história escrita e bem contada e vi que não havia ninguém fazendo isso no Brasil. Então, em 2011 estudei o mercado de cerimônias e me tornei a primeira celebrante contadora de histórias que celebra casamentos contando a história de amor do casal. E até hoje sou uma das poucas que além de contar histórias para crianças e empresas, se especializou em contar histórias personalizadas celebrando casamentos”, diz Marina.

salvarAmor em Contos Cerimônias por Marina BastosEntre em contato com Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos
Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos | Foto: UhHuh Vídeos
salvarAmor em Contos Cerimônias por Marina BastosEntre em contato com Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos
Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos | Foto: EF

Seu amor descrito em palavras

Não perca as últimas novidades para o seu casamento

Assine nossa newsletter

Ao encontrar com o casal, Marina Bastos os escuta e procura por conexões, símbolos e detalhes poéticos em sua história que, por muitas vezes, eles nem perceberam que existiam. Além desta conversa inicial, os noivos também respondem questionários especiais sobre sua história. A celebrante também entrevista alguns familiares, pesquisa referências de filmes e músicas indicadas por ambos e, posteriormente, junta todo esse material para escrever uma história única e contá-la de forma que encante e envolva os convidados.

“Meu texto é inteirinho personalizado para o casal. Não uso textos prontos e nem encaixo a história deles em outros textos. Eu escrevo uma cerimônia para cada casal. Além disso, conto de verdade a história, olhando nos olhos deles e dos convidados. Leio muito pouco do texto, pois decoro quase toda a história. Os noivos podem esperar uma cerimônia leve, emocionante, especial, inesquecível e totalmente exclusiva pra eles, conta a celebrante.

salvarAmor em Contos Cerimônias por Marina BastosEntre em contato com Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos
Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos | Foto: divulgação
salvarAmor em Contos Cerimônias por Marina Bastos Entre em contato com Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos
Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos | Foto: Marina Marques

Próximos capítulos…

Marina Bastos não atingiu o sucesso por acaso. Sua experiência de 27 anos como atriz e 12 anos como contadora de histórias, seu carisma e a forma simpática e envolvente ao celebrar cada casamento, são alguns de seus grandes diferenciais. A celebrante ainda confecciona um livro personalizado para os noivos e o entrega durante a cerimônia, pedindo que ambos assinem e se comprometam com os próximos capítulos que darão continuidade à sua história de amor.

Um de seus principais desafios, é ajudar os noivos a se abrirem para contar detalhes sobre sua história que, por muitas vezes, acham bobos, mas para Marina Bastos se tornam peças preciosas pois enriquecem o a história que irá contar. O objetivo da celebrante é encantar noivos e convidados. Ajudar os noivos a relembrar e celebrar sua história. Celebrar a história de amor deles e fazer da cerimônia um momento único, muito especial e inesquecível, conclui.

salvarAmor em Contos Cerimônias por Marina BastosEntre em contato com Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos
Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos | Foto: divulgação
salvarAmor em Contos Cerimônias por Marina BastosEntre em contato com Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos
Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos | Foto: LBS Studio

Histórias que são “a sua cara”

Marina Bastos procura sempre escrever a história com algum fio condutor que seja “a cara dos noivos”, utilizando termos que se relacionem com o casal. A celebrante exemplifica contando que para um casal de velejadores, escreveu um texto com termos do iatismo, para jogadores de tênis, incluiu termos utilizados nas quadras. Mas, comenta que, às vezes, a história do casal não tem um fio condutor único, mas revela uma infinidade de momentos preciosos.

“Mariana e Edu pediram para que eu incluísse no texto frases dos pais deles e foi lindo, pois o pai dela se emocionou muito e me agradeceu pela cerimônia e pela oportunidade de demonstrar seu amor. Dois meses depois da cerimônia, ele faleceu. Juliana e Rafael já tinham 3 filhos e decidiram casar em 2 semanas. Os amigos ajudaram e organizaram tudo (decoração, comida e até as fotos) e eu fui a única fornecedora contratada, pois eles faziam questão que eu contasse a história deles.  O casamento foi na beira da praia e tivemos que mudar o altar de lugar 3 vezes porque a maré subiu enquanto esperávamos a chuva passar. Quando, finalmente, conseguimos fazer a cerimônia, a água molhou os pés deles no momento do sim, abençoando a união deles. Então aproveitei e pedi para os filhos deles chamarem o beijo”, menciona Marina.

salvarAmor em Contos Cerimônias por Marina BastosEntre em contato com Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos
Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos | Foto: Mario Lima

A celebrante já realizou diversos casamentos de casais que namoraram à distância ou que tiveram que passar por obstáculos como diferenças religiosas ou diferenças de time de futebol. “Procuro sempre contar esses obstáculos com poesia, empatia e se for possível, humor. Pois o casamento não é um momento para se chorar e sim para comemorar! Os convidados e os noivos podem chorar se emocionando em alguns momentos, mas não quero que chorem na cerimônia toda. Então busco o equilíbrio entre momentos de emoção”, finaliza.

salvarAmor em Contos Cerimônias por Marina BastosEntre em contato com Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos
Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos | Foto: divulgação

Conselhos de nossa expert

Marina Bastos diz que, se fosse escolher um celebrante, optaria por uma mulher, pois crê que é importante ter sensibilidade e escuta. Pediria para ver vídeos de cerimônias realizadas e depoimentos reais de noivos. Perguntaria também como é o processo de trabalho e como é a cerimônia. E pediria para que a cerimônia tivesse momentos emocionantes e poéticos e também momentos divertidos, pois a ideia não é borrar a maquiagem de ninguém e sim celebrar e comemorar o encontro dos noivos!”

Quanto ao processo de organização do casamento, a celebrante lembra que a cerimônia é a parte mais emocionante do grande dia. Não deixem para escolher o celebrante em cima da hora, pois haverá menos opções e às vezes quem você gostaria não terá mais disponibilidade. Além disso, se desejam uma cerimônia exclusiva, feita sob medida pra vocês e para sua história de amor, escolha uma celebrante que tenha um trabalho personalizado e que saiba ouvir vocês e realizar a cerimônia que vocês sonham. Assistam vídeos e verifiquem se realmente o trabalho é personalizado. E o mais importante: conheçam a celebrante e vejam se tem empatia com  ela. Afinal, essa pessoa saberá muito da história de vocês e precisa ser alguém que vocês gostem e se sintam à vontade para abrir suas vidas”, arremata Marina.

salvarAmor em Contos Cerimônias por Marina BastosEntre em contato com Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos
Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos | Foto: Renato Mendez
salvarAmor em Contos Cerimônias por Marina BastosEntre em contato com Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos
Amor em Contos Cerimônias por Marina Bastos | Foto: divulgação

Marina Bastos é pioneira na modalidade celebrante contadora de histórias, celebrando casamentos em locais fora da igreja, como casas, fazendas e espaços dominados pela natureza. Realiza desde cerimônias intimistas, contanto apenas com familiares, a grandes casamentos, atuando em qualquer lugar do Brasil e do mundo, já que também celebra cerimônias bilíngues, além de trocas de votos homoafetivas. Aproveite, entre em contato e marque um delicioso bate papo com esta maravilhosa profissional.

Escolha os fornecedores que você quer contatar.