Como escolher as bebidas para o casamento: fique por dentro com esses 5 passos!

Como escolher as bebidas para o casamento: fique por dentro com esses 5 passos!

A quantidade, qualidade, comida... esses são alguns dos aspectos que você deve levar em conta ao escolher a bebida para o casamento. Descubra o que mais!

Como escolher as bebidas para o casamento: fique por dentro com esses 5 passos!
Foto: Giovani Garcia
  • Outros serviços
  • Recomendações
  • Bebidas

Sabemos que o banquete é um das partes mais importante do casamento e que uma comida excelente é o pode fazer com uma que celebração seja lembrada por todos. Mas não podemos esquecer das bebidas! Não importa se você fará um casamento íntimo ou uma grande festa, a bebida sempre terá que estar presente e terá um papel muito importante em cada parte do enlace.

Existe um mundo de opções de bebidas, mas o mais importante é centrar-se em produtos de qualidade antes de qualquer coisa. Assim como acontece com a comida, o principal é saber como escolher. Confira nossas cinco dicas e sabia como escolher a bebida do casamento.

salvar
Brothers Bar | Foto: Divulgação

Passo 1.Número de convidados

Ter uma lista clara de convidados é essencial para poder escolher a bebida do casamento, para que possa calcular a quantidade e o serviço a contratar. Além disso, você deve levar em conta aquelas pessoas que não bebem álcool, que são intolerantes, alérgicas a qualquer componente e também deve pensar em alternativas de bebidas para os pequenos.

É preciso respeitar a premissa de que todas a bebidas precisam ser de qualidade. Além disso, em cada casamento deve haver cerveja, vinho tinto e branco, refrigerantes e espumante e/ou champanhe. Em suma, é preciso apostar na variedade para que os convidados possam escolher as bebidas que mais gostam. De acordo com Maurício,  além das bebidas triviais da festa (tais como Champagne ou Espumante, Whisky e Vinho) se tornou também indispensável o bar de drinks. Principalmente os Gin tônica, Moscow Mule e Negroni dividem o espaço no consumo dos convidados”.

salvar
Foto: Laura Fonseca

Passo 2. Estilo do casamento

Não perca as últimas novidades para o seu casamento

Assine nossa newsletter

Talvez possa parecer estranho que o estilo do casamento condiciona também a escolha das bebidas, verdade? Mas deve ser assim! É importante seguir a mesma linha de pensamento em cada detalhe da festa. Pense no que você deseja representar em seu casamento e, a partir dessa decisão, selecione todos os elementos, incluindo bebidas.

Um casamento com tema divertido, floral, moderno, clássico, romântico, medieval e de luxo? Verifique com a empresa de bebidas que você escolheu as diferentes possibilidades, e pergunte à equipe que estará encarregada do bar como proceder. É importante que você monte áreas de acordo com o estilo do casamento, mas não apenas nos detalhes de decoração, mas também na preparação e apresentação de bebidas e coquetéis.

salvar
Foto: Felipe Lannes

Passo 3. Personalização

Sim, personalização é a palavra da vez. Pense em seus gostos pessoais e reflita nos drinks do seu casamento. O que você acha de nomear cada bebida com uma experiência importante para vocês? Por exemplo, você pode colocar nomes de praias onde estiveram, ou lugares para onde viajaram juntos, os nomes dos pássaros ou flores, se você são amantes da natureza…

Não se esqueçam também das bebidas que estão na moda. Maurício Moser, do Brothers Bar, dá o seguinte conselho: “Os drinks variam conforme a moda, na atualidade as variações de Gin Tônica (harmonizados com diferentes insumos e especiarias) são os mais esperados pelos convidados nas festas. Mais de 50% do consumo do bar normalmente se resume a esse drink”, comenta.

salvar
Brothers Bar | Foto: Divulgação

Passo 4. Tipos de bebidas

Você sempre se perguntou qual bebida combina melhor com cada comida, verdade? A carta de drinks tem que levar em consideração a gastronomia envolvida na festa (sempre com drinks harmônicos com o menu escolhido), local (salão fechado, praia ou campo), época do ano (calor ou frio) e a posição do bar no layout da festa (bar de pista ou bar longe)”, revela Maurício Moser.

salvar
Foto: Marcelinos Fotografia

Aqui vão algumas dicas: o vinho branco é perfeito para peixes e frutos do mar; o vinho tinto combina perfeitamente com a carne vermelha; o rosa com as carnes brancas; o champanhe ou espumante podem ser reservados para o final do banquete e acompanhar as sobremesas ou mesas doces; e os licores ou combinados são perfeitos para a digestão depois de desfrutar o menu. O momento em que cada bebida será servida também é importante. Deixe as combinações mais fortes para a festa.

Leia também: como escolher buffet para o seu casamento em 5 passos

Passo 5. O orçamento

O orçamento está intimamente relacionado à qualidade e quantidade das bebidas e às opções a escolher. Então a partir da definição desse valor você poderá saber a quantidade de álcool que você tem que comprar ou contratar. Faça os cálculos com o auxílio de especialistas. Outro conselho: “O Champagne é o espumante produzido na região chamada Champagne, na França. Os Champagnes são conhecidos pela sua alta qualidade, mas os custos normalmente são muito superiores aos Espumantes. Caso o casal não queira investir menos existem boas opções de Espumantes, Cavas (espanholas) e até Proseccos (italianos)”, finaliza Maurício Moser.

salvar
Brothers Bar | Foto: Divulgação

Não se esqueça de verificar o nosso Guia de Fornecedores com as melhores opções de fornecedores de bebidas e empresas especializadas em coquetelaria. Pense que é um serviço tão importante quanto qualquer outro, e no seu casamento você tem que oferecer a melhor experiência aos seus convidados!

Leia também:

Como escolher o fotógrafo de casamento: 5 passos para eleger o que mais se encaixa com vocês

Como escolher a igreja para o casamento: estas 5 dicas são essenciais para decidir!

Deixe seu comentário

Lista de casamentos Zankyou. Receba 100% dos seus presentes em dinheiro!