Lua de mel em Seychelles: o oasis ecológico

Seychelles é daqueles refúgios únicos no mundo. Isolado, praias intocadas, filosofia de sustentabilidade avançada e alguns dos mais charmosos e exclusivos resorts do planeta. Não é atoa que figura entre os mais cobiçados destinos de casais enamorados.

O nome soa exótico, sofisticado e com toques de exclusividade. É tudo isso e muito mais! Certos presságios são bem transparentes, principalmente quando o assunto é Seychelles, um conjunto de pequenos arquipélagos com 115 ilhas, a nordeste de Madagascar.

Lua de mel em Seychelles: o oasis ecológico
Foto: Divulgação Four Seasons Hotels

O turismo de luxo e de romance já conquistou o holofote de jetsetters e viajantes experientes há algum tempo, mas nos últimos cinco anos, esse pacato país africano de menos de 90 mil habitantes, tem ganhado as atenções da mídia global.

Principalmente após ter sido escolhido, por exemplo, como palco da lua de mel dos britânicos, príncipe William e Kate Midlleton, e como refúgio de um dos últimos solteirões de Hollywood, George Clonney. O galã esteve escolheu o paraíso para celebrar e oficializar o noivado com a advogada Amal Alamuddin.    

Embora Seychelles peque por no quesito forte cultura, já que sua pequena população é muito heterogênea, ela brilha em diversos outros quesitos. Não é por acaso que suntuosas marcas de resort aportaram no país para projetos ambiciosos. Falamos de praias belíssimas, de tons de azul turquesa daqueles que imergem na essência de tropicalidade. A composição entre natureza sublime e a sofisticação dos hóteis tornaram o destino um expoente do turismo romântico de luxo.

A sua ilha

Poucos lugares expressam tão bem o significado de exclusividade. North Island, a ilha-resort é um éden privado de apenas 11 vilas para no máximo 44 afortunados. Nem um cachorrinho a mais!

A privacidade impera, todas as acomodações de 450m2 ficam isoladas uma das outras, quesito que rapidamente convenceu o então recém casal real britânico a desembarcar via helicóptero, como chegam todos os hóspedes, para o desfrute absoluto da lua de mel real.

Lua de mel em Seychelles: o oasis ecológico
Félicité | Foto: Divulgação Six Senses Zil Pasyon

A sustentabilidade também é símbolo. Diversas construções foram feitas com materiais reaproveitáveis durante a revitalização da ilha. Os mimos não têm limites. Absolutamente tudo está incluso. Deu vontade de um prato especial, o chef irá até sua vila para prepará-lo. Se quiser jantar ao lado de uma pedra na praia, o pedido também será atendido. Champagne e ótima carta de destilados e coquetéis também estão à dispor para seu deleite. Se não tiver algum rótulo específico, eles mandam vir (com uma taxa extra, pomposa).

É rotineiro explorar a beleza da ilha, repleta de tartarugas e de vegetação tropical sem encontrar uma alma viva. Mergulhos, passeios em veleiros e diversas outras atividades ajudam a quebrar a rotina da contemplação absoluta. Mas essa experiência única não é para todos os noivos. São no mínimo três diárias que giram em torno de € 7.500.

2 vezes Four Seasons

A potência de Seychelles no mercado de luxo é tão expressiva que o Four Seasons inaugurou em março a mais uma nova propriedade no país, além de seu já soberbo resort na ilha de Mahé, onde está capital.

O novo empreendimento será o único resort na ilha de coral Desroches, considerada uma das mais belas entre os arquipélagos. A marca promete oferecer bangalôs, vilas e suítes ao estilo náufrago rústico, com arquitetura e decoração inspirada em materiais naturais. Terá também um spa orgânico e um santuário para os gigantes cagados, símbolos de Seychelles.

Lua de mel em Seychelles: o oasis ecológico
Foto: Divulgação Four Seasons Hotels

“Tudo o que você pode imaginar em uma intocada ilha tropical está aqui, onde seremos o único resort”, diz o gerente-geral Edward Linsley, um viajante experiente que escolheu Desroches para ser sua nova casa.

Mahé

É a maior, a principal, onde está o aeroporto e a pequena capital Victoria. Também é linda e repleta de hotéis de sonhos como o primeiro Four Seasons do país. A propriedade é celebre por suas luxuosas choupanas casas de árvore. Cercado por uma privacidade natural tropical, as mais disputadas vilas, com estonteantes piscinas e vistas impressionantes de uma tranquila baia.

Celebre também o pacote “say I do in the Seychelles” (Diga sim)  para noivos do resort que oferece toda a expertise da marca de hospedagens de luxo para organizar todos os detalhes da boda.

Lua de mel em Seychelles: o oasis ecológico
Foto: Divulgação Four Seasons Hotels

Uma das atividades interessantes é a experiência Love Grows Beautiful Things, na qual casais aprendem sobre o projeto de restauração de corais e ajudam a recolher pedaços quebrados que serão transplantados para uma plataforma submersa, onde podem se regenerar.

A influencer Patrícia Mattos, idealizadora do blog de viagens e lifestyle, Le Blog, elegeu Seychelles como parte de sua lua de mel com o marido Emerson Magalhães, passando alguns dias no Four Seasons de Mahé. “O hotel é maravilhoso e está em um lugar privilegiado, cercado por natureza linda e exuberante, que proporciona aos hóspedes muita privacidade, sossego e romantismo”, comenta.

Lua de mel em Seychelles: o oasis ecológico
Foto: Divulgação Four Seasons Hotels

Eles também provaram dos mimos do Maia, outro cobiçado na ilha de Mahé, associado ao seleto grupo de propriedades de luxo Leading Hotel of the World (LHW). Entre os amenities, banhos especiais preparados por um mordomo exclusivo de cada hospedagem, além de um jantar romântico ao lado da piscina privativa.

La Felicite

Se há um remédio natural para qualquer depressão, a ilha privada La Felicite, encontra-se entre as receitas mais indicadas. Ainda mais se a experiência for de se hospedar no Six Senses Zil Pasyon, um ultra exclusivo resort de apenas 30 vilas, todas com piscina privada e de arquitetura inspirada em formas, materiais e texturas que harmonizam com a geografia da própria ilha.

Lua de mel em Seychelles: o oasis ecológico
Foto: Divulgação Six Senses Zil Pasyon

Parte da filosofia da marca, o hotel é o comprometido com diversas ações de sustentabilidade que vão desde granja e horta orgânica, até um sistema de purificação de água potável que elimina a necessidade do uso de garrafas plásticas. Um refúgio especial para casais que valorizam propriedades que imprimem ações verdes.

Duas imperdíveis

Próximas a La Felicite e apenas 15 minutos de voo de Mahé, as ilhas Praslin e La Digue, são duas pérolas de Seychelles. Aliás, é comum os traslados em helicópteros ou hidro avião, que por si só, já são um cênico passeio.

O jornalista Paulo Bassos, editor-chefe da revista Viagem Mais Luxo e do portal Rota de Férias, considera a visita a La Digue o passeio mais expressivo de Seychelles. “Anse Source d’Argent, é uma praia absurda, que parece ter sido desenhada a mão. A água é espetacular, cercada por um cenário de pedras singulares e não é por acaso que foi eleita pela National Geographic como a mais linda do mundo”, ressalta.

Há ainda um incrível circuito de trilhas que passa por três sedutoras praias: praias Grand Anse, Petit Anse e Anse Coco. No caminho, plantações de amêndoas indianas e de favas de baunilha, dão toque especial a visita na ilha.

Lua de mel em Seychelles: o oasis ecológico
Koko_Island | Foto: Divulgação Six Senses Zil Pasyon

Em 15 minutos de barco chega-se a também compulsória Praslin. Ela é berço do Vallée de Mai, considerado pelos locais como o verdadeiro jardim do Éden, citado na Bíblia. Predicados há para não duvidar. O lugar, de tão lindo e natural é protegido pela Unesco como Patrimônio da Humanidade. Lá também é um dos terroir endêmicos do país de uma palmeira que gera a maior semente do mundo vegetal. Ela vem do coco-de-mer, fruto símbolo do país, que curiosamente tem o formato de uma bundinha.

A segunda região tombada pela Unesco no país é o Atol de Aldabra, com quatro ilhotas coralinas que forma uma espetacular lagoa, cercada por recifes. O local que pertence a Seychelles – mas está bem longe, 1.000 km ao sudoeste de Mahé – é santuário de mais de 150 mil tartarugas-marinhas, o maior do mundo.

Pratos tropicais

Não é rica a tradição gastronômica do país, mas há algumas influências crioulas e indianas interessantes, além da ótima cozinha internacional ofertada pelos hotéis de luxo. Como toda ilha tropical, é vasta as opções de pescados e frutos do mar, geralmente servidos com guarnições a base de pimentão, alho e gengibre.

Lua de mel em Seychelles: o oasis ecológico
ChefsTable | Foto: Divulgação Six Senses Zil Pasyon

Aliás, pimenta forte é marca de Seychelles. O cozido de carne e legumes, bem popular entre os locais, é bem quente, vale perguntar antes de provar. Para quem tiver um tempo para explorar Victoria, a menor capital da África, desbrave o pequeno mercado municipal com temperos e artesanatos interessantes e o templo hindu, utilizado pela comunidade indiana que vive por lá.

Pegada verde

Um povo que tem orgulho de viver em um dos países com maior preocupação ambiental do planeta. Mais de 50% de sua área é protegida como Parque Nacional e sua leis ambientais são extremamente rígidas. A filosofia imposta pelo governo é de incentivar o turismo de exclusividade, antagônico ao de massa. Manter regras efetivas é a forma que eles encontraram para aceitar empreendimentos sérios e comprometidos com o meio ambiente.

Lua de mel em Seychelles: o oasis ecológico
Foto: Divulgação Six Senses Zil Pasyon

O programa de proteção de recifes e das tartarugas gigantes que vivem até 250 anos, são reconhecidos internacionalmente. A seriedade com que as últimas gestões têm administrado o país parecem dar resultados, já que Seychelles é hoje um dos três países com maior IDH – Índice de Desenvolvimento Humano – da África. Exemplo de sustentabilidade, educação e infra estrutura social são essenciais para que seu povo possa chamar um destino lindíssimo, de verdadeiro paraíso na Terra.

Serviços

Visto: Basta passaporte válido por seis meses e certificado de vacina de febre amarela. |Idioma: inglês, Francês e crioulo de Seychelles | Fuso: – + 7 horas (Brasília padrão) | Moeda: Rúpia de Seychelles – R$ 1,00 equivale a 4.08716 SCR (em 8/2/18 2018).

Quando Ir: Apesar de possuir um clima tropical durante o ano todo, a época mais indicada é entre dezembro e março, pois o clima está mais quente e sem nuvens. De maio a setembro a sensação térmica é mais amena, mas corre o risco de pegar alguns dias nublados na praia.

Partindo do Brasil: Saindo de São Paulo, existem duas rotas principais para chegar em Seychelles – uma com conexão em Dubai e outra em Abu Dhabi. São cerca de 15 horas de voo até o primeiro destino, em seguida mais 3 até as Ilhas. A opção pela Qatar e pela Emirates. Também é possível acessar a ilha via África do Sul, com a South African Airways.

Transporte interno: A maioria dos translados entre as ilhas é feito via helicóptero ou avião de menor porte. Mas há também lanchas rápidas e barcos taxis que são bem utilizados por turistas.

Onde ficar: North Island Four Seasons  | Maia Luxury Resort  | Six Senses 

Mais informações:  visiteseychelles.com/

Leia também:

Como escolher o destino da lua de mel em 5 passos

Arrumando as malas: confira SUPER dicas de especialistas para a viagem de lua de mel!

Deixe seu comentário

Foto: Sonhos A2
10 agências de viagem em São Paulo PERFEITAS para uma lua de mel dos sonhos!
O que vocês estão esperando para marcar a lua de mel e pegar a estrada? Conheçam 10 agências de viagem de São Paulo perfeitas para organizar uma lua de mel dos sonhos e façam as malas HOJE!
Foto: Thrall Photography
Não quer ter problemas na sua lua de mel? Confira 9 dicas para acertar em cheio!
Viajar sempre é uma delícia e se for a nossa lua de mel, melhor ainda. Para que a sua viagem não tenha nenhum tipo de problema, só alegrias, fique atento a essas dicas!
Lua de Mel na Tailândia: experiência única e inesquecível em Bangkok e Ilha de Phuket
Lua de Mel na Tailândia: experiência única e inesquecível em Bangkok e Ilha de Phuket
A Tailândia é um dos destinos de lua de mel mais buscados entre noivos que querem estar em praias paradisíacas, em um ambiente surpreendente e super romântico! A Agência Abreu Turismo preparou um pacote espetacular para os noivos que escolheram esse recanto da Ásia para celebrar o amor, com direito a uma incrível diversidade de cenários durante as oito noites de estadia.

Crie grátis um site perfeito para seu casamento!

100% personalizável e com centenas de temas para escolher Ver mais layouts >

A sua empresa também pode estar no Zankyou!
O Zankyou oferece a oportunidade de mostrar o melhor da sua empresa para milhares de noivos que nos utilizam na organização do seu casamento em 23 países. Mais informações