Como escolher o perfume para o meu casamento em 5 passos

O perfume é muito importante. Na verdade, é o melhor baú de memórias, capaz de ativar lembraças e reviver momentos de todos os tipos. E não só isso: seu poder está relacionado a personalidades, sensações e momentos, além da possibilidade de agradar, deslumbrar e consolar.

Como escolher o perfume para o meu casamento em 5 passos
Foto: Aquaflor

Portanto, o seu look de noiva merece uma exibição completa com a melhor fragrância possível. No entanto, existem vários pontos a considerar. Aprenda a seguir a escolher o perfume para o seu casamento em apenas 5 passos.

Passo 1. Seja fiel ao seu perfume

Se você é fiel a um perfume há muito tempo, ou tem vários com os quais costuma mostrar sua essência, por que mudar no dia mais importante de sua vida? Não há nada como ser identificado com um cheiro, seja o da pele, da roupa ou do perfume. Você é você 365 dias por ano, e seu perfume é uma das suas marcas.

Seu parceiro quer perceber o melhor de você, o que fez com que se apaixonasse por você, o conjunto como um todo, do mais superficial ao mais profundo. Lá, em toda essa confusão de sensações, há um lugar privilegiado para o cheiro. Sem dúvida, seu perfume usual é uma ótima opção e tanto os amigos quanto a família irão apreciá-lo.

Foto: Fer Cesar Fotografia

Passo 2. Mude para um dia especial

Se você não tem um perfume característico, se você está cansada de seu perfume habitual ou apenas quer mudar em um dia especial, seu casamento é um momento perfeito para dar esse passo e, por que não, começar com uma nova fragrância.

Para fazer isso, pense na época do ano, já que o verão o motiva a usar aromas mais frescos com frutas cítricas como protagonistas, enquanto o outono e a primavera falam uma linguagem mais sóbria e compacta, apesar de muito especial, com aromas de madeira que transmitem sensações mais quentes.

Para um casamento, também recomendamos uma fragrância que se abra para o exterior, que convide a receber amigos e longe da sobriedade. Nesse sentido, aqueles que melhor se encaixam são os perfumes florais, intimamente ligados a conceitos como amor e pureza.

Passo 3. Recorra à ciência

Se você quiser encontrar uma fragrância com a sua cara, tanto para o seu casamento quanto para o dia a dia, de um ponto de vista científico e objetivo, recorra a profissionais. Aspectos biológicos, como pele ou gordura corporal, entram em jogo, já que nem todas as pessoas aceitam os mesmos perfumes da mesma maneira.

Para escolher o perfume certo, o pH da pele é muito importante, tanto no nível olfativo como no nível de saúde. Em primeiro lugar, é importante saber que o pH da pele é capaz de modificar o cheiro inicial de qualquer perfume, por isso não existe o mesmo aroma de perfume para cada pessoa. As fragrâncias possuem características específicas devido à mistura perfeita de seus componentes, e estas adquirem uma nova categoria ao entrar em contato com a pele de cada pessoa.

A duração do cheiro também depende muito do tipo de pele e da temperatura da mesma. Peles secas e frias não mantêm muito cheiro de perfume, por isso é recomendado usar cremes inodoros e usar fragrâncias com maior concentração de óleos essenciais. Estes perfumes também são recomendados para peles sensíveis que sofrem irritação e vermelhidão.

No caso das peles mais oleosas e de alta temperatura, recomendam-se perfumes menos intensos, pois tendem a manter muito odor e intensificá-lo a um nível que pode chegar a ser desagradável.

Em termos de saúde, é importante conhecer o pH para saber qual é o melhor perfume para a pele de cada pessoa. O nível normal é 5,50; no caso de estar abaixo, é preferível optar por perfumes que previnam a irritação devido à maior acidez da pele; no caso de estar acima, a excessiva produção sebácea intensifica os odores, mas também perde a defesa contra possíveis agentes bacterianos.

Passo 4.  Pense na sua personalidade

Como já explicamos, o odor ajuda a determinar a personalidade de um indivíduo e, portanto, não deve ser deixado em segundo plano. E os próprios perfumes trazem consigo uma personalidade que, juntamente com a da pessoa, faz um todo que pode estar em harmonia ou não.

Foto: Aloha Fotografia

Para acertar na hora de escolher a fragrância que poderia ajudar a melhorar nossa definição como pessoas, há sete famílias olfativas que devemos conhecer.

Em primeiro lugar, os perfumes florais se referem à primavera e ao romantismo, e eles valorizam uma versatilidade interessante graças à personalidade das diferentes sensações florais. Por exemplo, néroli, lavanda, margarita e papoula referem-se a leveza, frescor e despreocupação; as peônias, tuberosas, lírios, frésias e gardênias são mais fortes e, portanto, pertencem a mulheres com ar exótico e sensual; e, finalmente, as mulheres mais românticas e femininas optam pelos destaques aromáticos do jasmim e das rosas.

Os aromas amadeirados oscilam entre duas personalidades possíveis, mas geralmente falam da serenidade, do calor e da força daqueles que os usam. Eles podem ser mais frescos e se referir a espíritos mais livres se brincarem com pinho, cedro ou bambu, e mais sóbrios, clássicos e imponentes com tons de sândalo, gaiac ou carvalho.

Uma das famílias mais recorrentes é cítrica. O limão, limão siciliano, grapefruit, laranja ou tangerina são fontes inesgotáveis ​​de energia e as pessoas que escolhem essas fragrâncias correspondem à mesma filosofia. Eles são ativos, com boa atitude, espírito positivo e jovem.

A família Fougere, resgatada da fragrância Fougere Royale de 1882, usa bergamota, madeira, lavanda, notas verdes, cumarina e musgo para satisfazer pessoas de personalidade selvagem. As notas que esse aroma desperta surgem da natureza mais profunda e misteriosa, mas também são frescas e buscam equilíbrio.

As mulheres clássicas e sensuais optam pela família Chypre (o perfume original é de 1917), fresca e quente em partes iguais, fazendo uso de aromas como bergamota, rosa, jasmim, patchouli, âmbar, almíscar e musgo.

Foto: LoveShake

Uma das famílias mais sérias, o Couro, tem personalidade, elegância e sobriedade. O uso de cheiros fortes, como madeira, musgo, tabaco ou defumados referem-se a pessoas clássicas, mas autoconfiantes, que lidam com o poder erótico e são fãs de luxo e conforto.

Outra que se destaca bastante é a família oriental, onde se misturam especiarias, plantas e óleos balsâmicos misteriosos e exóticos. Assim, baunilha, pimenta, cardamomo e cravo coexistem com gengibre, cacau e alcaçuz e resinas como o âmbar. A sensualidade e o calor fazem parte da sua assinatura, assim como a personalidade de ser original e marcante.

Passo 5. Busque um toque de emoção

Como dissemos, os perfumes despertam todo tipo de lembrança e nos fazem reviver momentos e são capazes de gerar sentimentos de atração ou rejeição difíceis de controlar. Isto é dado pela estreita ligação destes com o cérebro límbico ou primitivo, o que os torna grandes veículos emocionais, muitas vezes desde que somos crianças. É realizado inconscientemente e sensações básicas e muito viscerais são ativadas, por isso os perfumes são elaborados levando em conta todo o seu potencial e a capacidade de gerar essa atração. E quase todos os perfumes estão intimamente relacionados ao bem-estar, boa atmosfera e bom humor, conceitos que o ser humano se empenha em alcançar.

Ao escolher um perfume, o primeiro teste determina tudo. Através dele experimentamos sentimentos de atração ou rejeição e sentimentos que nos interessam desenvolver com frequência. No caso de uma fragrância pontual, como poderia ser o dia do casamento, talvez procure um toque especial e mais ousado já que não o usaria no dia a dia.

Foto Bruno Stuckert

Geralmente o sucesso, a segurança, a beleza e o prazer são sensações que queremos transmitir através do perfume. Porque a imagem mostrada para o exterior é importante para nós, e o cheiro ajuda a imagem a se sustentar. Assim, o perfume tem um importante fator social que em um casamento pode aumentar a atratividade de uma pessoa.

As famílias de couro e amadeirados geralmente são uma boa opção quando a segurança é necessária, talvez em um casamento, mas mais em uma reunião de trabalho. Para um dia ou uma noite assim, os Orientales, o Foguère e alguns Florais são perfeitos, porque eles combinam com situações onde a sedução e o romantismo prevalecem, e sua pretensão é deslumbrar o seu parceiro e o seu público. Chypre e Citrus vão bem no dia a dia, mas podem ser leves demais para um casamento. Em qualquer caso, sua personalidade e o sentimento que você deseja transmitir determinarão a escolha final.

*Post original publicado em 15/03/2011. Post atualizado em 22/11/2018.

Deixe seu comentário

Como escolher o buquê de noiva para o meu casamento: 5 passos que você precisa conhecer
Como escolher o buquê de noiva para o meu casamento: 5 passos que você precisa conhecer
O buquê é um dos acessórios mais importante para uma noiva. Eles podem ser de diferentes formatos e cores. Conheça os 5 passos para acertar na escolha do seu buquê.
Como escolher os convites para o meu casamento em 5 passos
Como escolher os convites para o meu casamento em 5 passos
Os convites de casamento trazem todos os detalhes do grande dia e também são uma prévia do que está por vir. Se você quer saber como escolher os convites para o seu casamento, preste muita atenção aos 5 passos-chave do Zankyou!
Como escolher as lembrancinhas do meu casamento em 5 passos
Como escolher as lembrancinhas do meu casamento em 5 passos
Ofereça lembrancinhas que, além de sua beleza e originalidade, serão úteis aos seus convidados! Siga esses 5 passos e escolha a lembraça que mais tem a ver com vocês!

Crie grátis um site perfeito para seu casamento!

100% personalizável e com centenas de temas para escolher Ver mais layouts >

A sua empresa também pode estar no Zankyou!
O Zankyou oferece a oportunidade de mostrar o melhor da sua empresa para milhares de noivos que nos utilizam na organização do seu casamento em 23 países. Mais informações