Quem paga o casamento? Novos tempos, novas regras!

Quem paga o casamento? Novos tempos, novas regras!

Quem paga o casamento? Todo mundo já ouviu falar que os pais da noiva pagam a festa e a família do noivo arca com as despesas da lua de mel e da casa nova, mas hoje em dia essa tradição deve ser mantida?

  • Planejando o casamento
  • Conselhos
  • Convidados
  • Noivos

Desde o dia em que dizemos “sim” ao noivo até o tão esperado dia do casamento, uma série de detalhes relacionados ao evento mais importante da nossa vida precisam ser cuidadosamente definidos: o vestido, a lista de convidados, o lugar do casamento, o estilo da decoração, o buffet, os convites… sem falar na pesquisa e cotação de fornecedores, que deve ser minuciosa. Mas nada disso pode ser feito sem antes termos decidido o mais importante dos detalhes: afinal, quem paga o casamento? Neste post, a gente esclarece de vez todas as suas dúvidas sobre o assunto!

salvarLentes ClarasEntre em contato com Lentes Claras
Foto: Lentes Claras

Novos tempos, novas regras

Quando o assunto é pagar o casamento, muitos deduzem de cara que, conforme a tradição, o pai da noiva é quem paga a cerimônia e a festa, enquanto o pai do noivo fica responsável pelas despesas com a lua de mel e a nova casa dos noivos. 

Mas hoje essa regra não é mais seguida à risca assim. Um dos motivos é a situação econômica de muitos brasileiros, que nem sempre permite a concentração de tantas despesas em uma só pessoa ou família; outro motivo é o fato de hoje haver uma infinidade de propostas e estilos de casamento que influenciam diretamente o orçamento final de uma festa. Assim, há muitos noivos que optam por um modelo de casamento mais econômico, quando necessário.

É sempre importante saber Como calcular as bebidas do casamento: acerte em cheio nesse item essencial.

salvarPaloma CenturionEntre em contato com Paloma Centurion
Foto: Paloma Centurion

Não perca as últimas novidades para o seu casamento

Assine nossa newsletter

Assim, ao longo dos anos, essa regra foi sendo deixada de lado, e hoje, quem paga o casamento vai depender da conjuntura econômica dos envolvidos. Mas fique tranquila: isso de maneira nenhuma deve ser motivo de estresse para os noivos! Com bastante diálogo, transparência e uma boa dose de bom senso, é totalmente possível criar soluções alternativas às antigas tradições.

Conversamos com a Maria Antonia Matarazzo da Antonietta, assessoria de noivas. Ela nos contou que sempre orienta que os noivos conversem com as suas famílias para combinarem a divisão de despesas. “Alguns casais preferem pagar por tudo enquanto em outros casos a família faz questão de participar. Cada casamento tem uma dinâmica financeira diferente. É muito pessoal e não cabe, neste caso, aplicar nenhum tipo de regra. O importante é a questão ficar clara desde o início.” disse ela.

Como é a divisão de custos em um casamento?

É muito frequente que os próprios noivos paguem o casamento com a ajuda ou não dos pais – isso porque, ao contrário de antigamente, eles já se casam com uma idade mais avançada e com relativa independência financeira. Mas, para responder essa pergunta, você precisa avaliar de perto a sua situação financeira, a do seu amor e a de suas famílias.

salvarCasa LumeEntre em contato com Casa Lume
Foto: Casa Lume

É muito comum, hoje, que a família mais abastada do casal assuma boa parte das despesas junto com os noivos. Porém, outra maneira justa de lidar com o orçamento do casamento quando as duas famílias possuem relativamente o mesmo poder aquisitivo é dividirem os gastos meio a meio.

Neste caso, durante o planejamento, é razoável que ambos os pais, além do casal, se reúnam pessoalmente. Este momento é importante para estipular quem vai ficar com o que, além de deixar os limites financeiros para cada etapa bem claros e, assim, evitar mal entendidos.

Adaptando as tradições

Depois de estipulados os limites de gastos e quem de fato vai participar do custeio das despesas do casamento, pode-se trabalhar com uma lista inicial de atribuições para cada uma das partes. Para facilitar a vida dos noivos, preparamos uma sugestão que pode ser adaptada de acordo com a disponibilidade financeira dos envolvidos.

salvarTiella EventosEntre em contato com Tiella Eventos
Foto: Tiella Eventos

Família do noivo e da noiva juntas podem arcar com:

  • O jantar ou festa de noivado, se houver
  • O buffet, o bolo e os doces
  • O aluguel dos espaços para a cerimônia e para a festa
  • A música da cerimônia e DJ ou banda da festa
  • O transporte dos noivos
  • Os serviços de fotografia e filmagem

Confira também: Casamento simples e barato. Quer casar assim? Então, este post é para você!

salvarCarolina Sales Patisserrie de Brigadeiros.Entre em contato com Carolina Sales Patisserrie de Brigadeiros.
Carolina Sales Patisserrie de Brigadeiros. Foto: Divulgação

Noiva e Noivo podem arcar com:

  • O vestido de noiva e o traje do noivo completos
  • Os trajes das damas e pajens
  • Os custos do sacerdote e taxas do casamento civil
  • As alianças
  • As flores e decoração da cerimônia da festa
  • Os convites e cartões de agradecimento
  • A lua de mel
salvarAntoniettaEntre em contato com Antonietta
Antonietta. Foto: Divulgação

Padrinhos e madrinhas:

Em regra, os padrinhos e madrinhas não participam desta divisão, mas pode haver um ou outro com bom poder aquisitivo que deseje colaborar com as despesas do evento. Neste caso, não há nada de errado em aceitar esta ajuda, mas tenha em mente que isso deve partir deles e não dos noivos.

Porém, por tradição, é bem comum que padrinhos e madrinhas se encarreguem de organizar as festas de despedida de solteiro do casal e dividam entre eles as despesas deste dia.

Leitura imperdível: Descubra as 5 coisas que os noivos sempre esquecem de incluir no orçamento do casamento

salvarLentes ClarasEntre em contato com Lentes Claras
Foto: Lentes Claras

Mais importante do que escolher quem vai pagar o que no seu casamento, é, antes de tudo, conhecer bem o que você espera ter no seu grande dia e, se possível, já buscar quais os fornecedores que entendam perfeitamente o seu gosto e o estilo dos noivos.

Só com suas escolhas bem claras é possível saber que caminho tomar, quais serão seus planos A, B e C e até onde você pode ir de acordo com o orçamento que dispuser. Depois desta questão resolvida, nossa dica é aproveitar cada momento da preparação do casamento. Você vai ver que, apesar de um tanto cansativa, esta será uma das melhores fases da sua vida e que você lembrará com muito carinho!

E para quem busca uma boa assessoria para te ajudar na missão de planejar o casamento, confira 6 coisas que SÓ a sua cerimonialista de casamento pode fazer por você!

Entre em contato com as empresas mencionadas nessa matéria

Tiella Eventos Espaços
Casa Lume Fotógrafos para casamentos
Paloma Centurion Photo Fotógrafos para casamentos
Carolina Sales Pâtisserie de Brigadeiros Bolos e doces para casamentos
Antonietta Assessoria casamentos e cerimonial

Deixe seu comentário

Lista de casamentos Zankyou. Receba 100% dos seus presentes em dinheiro!