BR Login
BR

9 filmes de casamento incríveis e atemporais: você vai querer casar já!

Os casamentos são um tema bem recorrente nas comédias românticas – perfeitas para uma tarde de sábado.  por outro lado,  procurando no meio de tanta oferta, nos encontramos com obras realmente originais e de grande interesse artístico, ou seja, filmes atemporais que estruturam inteligentes argumentos ao redor desta temática.  Tome nota desta deliciosa seleção de filmes e relaxe. Você vai virar fã e querer casar ainda hoje!

Veja também 10 histórias de amor IMORTAIS que não têm nada de água com açúcar: para VER e LER!

Foto:Quatro Casamentos e um funeral – Foto: divulgação distribuidora

Quatro Casamentos e Um Funeral (1994)

Hugh Grant é o rosto mais conhecido deste filme super divertido e romântico, junto com Andy Macdowell. . Toda a história gira em torno ao seu personagem e aos casamentos (e um funeral) de pessoas do seu entorno, cada uma delas mais “singular” que a outra e sempre com os mesmos personagens implicados (afinal no nosso grupo de amigos parece que todo mundo casa ao mesmo tempo, não é? Os personagens secundários são memoráveis e exalam aquele humor inglês fino que tanto diverte.

A explicação para um filme tão atemporal é o roteirista Richard Curtis, mesmo de outras obras de referência do cinema inglês, como Nottingh Hill, Love Actually ou Uma questão de tempo. Em qualquer um dos filmes você vai encontrar diálogos brilhantes.  Competiu pelo Oscar a melhor filme do ano!

Livros para quem vai se casar: 6 dicas de leitura obrigatória!

MGM film lgbt hugh grant disability

Loucas para casar (2014)

Produzida por Cacá Diegues e dirigida por Roberto Santucci, o mesmo diretor de De Pernas pro Ar,  Loucas para Casar é a história de uma mulher de 40 anos que é secretária do grande amor da sua vida e apesar de estarem namorando há três anos, não parece que chegue o esperado pedido de casamento… Tudo é meio monótono até que um dia,  Malu percebe que faltam algumas camisinhas no lugar onde o namorado as guarda e começa a paranoia de que ele tem uma amante… Contrata um detetive particular e descobre não uma, mas outras duas mulheres na vida do namorado infiel. A disputa é clara: quem vai casar com Samuel?

Do cinema para sua casa: 7 segredos sexuais inspirados em “50 Tons de cinza”

Loucas para Casar – Foto: divulgação Paramount Pictures

A noiva cadáver (2005)

Não é um filme de terror e sim, uma obra de animação do gênio Tim Burton. Baseando-se na técnica do stop motion, a mesma que deu vida à sua ideia em O Estranho Mundo de Jack, o autor utiliza a sua inconfundível estética para ambientar um romance divertido e ao mesmo tempo dramático. A atmosfera gótica, uma das marcas registradas de Burton, inunda cada cenário desta tétrica cidadezinha vitoriana. A história, com muitas referências do cine de terror clássico, se alimenta desta obscura e bela essência. Imperdível!

tim burton

O Filho da Noiva (2001)

Um clássico do cine moderno e um dos grandes filmes argentinos de todos os tempos. Em ocasiões, aparecem histórias tão profundas e belas que ficam realmente guardadas na nossa alma… Norma tem alzheimer e, apesar disso, ainda tem um grande desejo na vida: casar-se na igreja vestida de branco.

Rafael (Ricardo Darín), seu filho, fica de encarregado de preparar o evento enquanto tenta arrumar aspectos da sua vida – bem complicada – com amores do presente e do passado que complicam as coisas.  Nino, o esposo, também ajuda o filho na empreitada. O filme oscila entre comédia e drama e apesar do seu aparente pessimismo, deixa espaço para a esperança.

O Casamento do meu melhor amigo (1997)

Outro clássico do cinema atual! O Casamento do meu melhor amigo foi um dos primeiros filmes de casamento cômico. A veterana e bem paga Julia Roberts, é  deste barco e unto com Uma Linda Mulher” deixou sua marca na indústria!

A simples vista, ir ao casamento de um amigo íntimo do qual estamos profundamente apaixonadas é material suficiente para agradar a gregos e troianos. E foi o que Julia Roberts fez – mas “decorando” a situação com um falso namorado homossexual.. Já imaginou a cena? Cameron Díaz aparece como a “outra” e grande inimiga da “nossa Julia”.

love julia roberts dermot mulroney my best friends wedding

Melancolia (2011)

Para quem ainda não conhece, Lars Von Trier  é um dos diretores mais pessoais da história do cinema atual: estranho provocador, polêmico e claro, um verdadeiro gênio! Melancolia, por outro lado, é um dos seus filmes mais belos e insólitos, já que mistura uma história de ficção científica/apocalíptica com um curioso e, diga-se de passagem, bem complicado casamento. Enquanto Justine (Kirsten Dunst), uma jovem que sofre algum tipo de transtorno psicológico se enfrenta à celebração do seu grande dia, o planeta Melancolia se move en direção à Terra, ameaçando destruir tudo com o seu impacto. Se você imagina um filme comercial, nem pense em vê-la…. É pura arte na tela!

Um casamento à indiana (2001)

Deixando de lado a parte emocional, a organização de um casamento pode supor  um autêntico caos. Um casamento à indiana é um clássico de Bollywood e contempla perfeitamente todos os aspectos de uma celebração hindu, na qual se chocam os pensamentos das diferentes gerações implicadas. Portanto, o conflito entre modernidade e tradição no desenvolvimento dos acontecimentos é a base dessa história na que também entram em disputa assuntos como os casamentos arranjados, amores secretos e questões econômicas. Na realidade, Lalit e Pimmi, os pais da noiva, recorrerão a um organizador profissional para colocar ordem em tudo antes de sofrer um ataque histérico

Casamento Grego (2012)

Toula Portokalos já chegou nos 30 anos e trabalha no restaurante grego da sua família. Toda a família sonha com o casamento dela com um autêntico grego, menos ela…   Toula começa a fazer aulas de informática e lá conhece e se apaixona por  Ian Miller (John Corbett) um inglês que também se apaixona por ela. parece tudo lindo, não? Namoram em segredo por um tempo e logo são descobertos  e de inglês, passa a ser praticamente, um “noivo grego”.

Meu Casamento Grego – Foto: Divulgação Universal

Núpcias de Escândalo (1940)

Cary Grant, Katharine Hepburn e James Stewart é o trio de atores que dá vida a uma das comédias românticas mais importantes da história do cinema. Se trata de uma comédia típica da metade do século XX, na que Tracy Lord (Katharine Hepburn) deve casar-se pela segunda vez depois do seu divórcio de C.K. Dexter Haven (Cary Grant). Dexter formará parte dos convidados do casamento e contratará a dois jornalistas (James Stewart e Ruth Hussey) para documentar tudo. O ex marido, os jornalistas, um noivo medíocre e uma noiva mimada e cabeça-dura fazem o elenco ideal para um filme hilário repleto de mal entendidos!

classic film cary grant enemies friends the philadelphia story

Ainda que o cinema possua histórias de casamentos muito parecidas ou medíocres, estas 9 obras de arte podem marcar a sua vida, além de te divertir bastante. Já pensou em se inspirar nelas para o vestido de noiva ou a decoração do seu casamento? Da ficção à realidade: veja a matéria de Luana & Rudney: um casamento clássico e romântico no Rio de Janeiro!

Gostou deste artigo? Compartilhe

Mais informação

Deixe seu comentário

Crie gratuitamente o site perfeito para seu casamento!

100% personalizável e com centenas de temas para escolher Ver mais layouts >

Quer divulgar a sua empresa no Zankyou?
O Zankyou oferece a oportunidade de mostrar o melhor da sua empresa para milhares de noivos que nos utilizam na organização do seu casamento em 20 países. Mais informação