Primeira viagem de casal? 3 aspectos fundamentais que você deve considerar

Primeira viagem de casal? 3 aspectos fundamentais que você deve considerar

Você acha que a primeira viagem de casal é bobagem? Tenha em mente essas dicas e não arrisque! Veja os 3 aspectos fundamentais que você deve considerar.

  • Vida a dois
  • Conselhos
  • International

A primeira viagem de casal não é uma situação trivial. Acostumados a viajar com a família, onde todos têm intimidade, ou com amigos, que uma viagem parece uma aventura, as viagens em casal levantam questões que preocupam e que você deve considerar.

Acostumar-se às diferenças e particularidades de cada pessoa envolve aprender a ceder e se adaptar. Para resolver o problema, a Dra. Arantza Pérez Mijares, especialista em terapia de casal e responsável pela Mijares Psicólgos, nos ensina a atravessar esse grande momento na vida do casal.

Aproveite para ler sobre DR de casal: palavras e expressões que JAMAIS devem ser ditas!

salvarzeljkodan
Foto Shutterstock: zeljkodan
salvarOld Love FotografiaSaiba mais sobre “Old Love Fotografia”
Foto: Old Love Fotografia

O planejamento

O planejamento da viagem é muito importante porque você começa a viajar e desfrutar desde o momento que começa a planejar“, nos conta a psicóloga. Na verdade, planejar traz uma boa dose de ilusão e é a base para tornar a experiência maravilhosa.

Não perca as últimas novidades para o seu casamento

Assine nossa newsletter

Em primeiro lugar, é importante ouvir e não impor:conhecer os interesses e desejos de seu parceiro e também deixar que ele saiba os seus“, aconselha Arantza Pérez. É muito importante chegar a um consenso, deixar o egoísmo de lado e aprender a equilibrar os interesses. Para fazer isso, “converse claramente, mas sem se impor“, recomenda.

salvarMarcos PecorariSaiba mais sobre “Marcos Pecorari”
Foto: Marcos Pecorari

Ela também destaca o valor da improvisação com relação aos problemas que podem surgir. Eles geralmente rompem com o planejado e podem causar confusão. Portanto, Pérez Mijares sugere “manter uma atitude aberta e flexível e se deixar levar”.

Planeje também as fotos: Fotos de Casal: o que você pode e NÃO PODE fazer para ter um resultado nota 10!

salvarKalamurzing
Foto Shutterstock: Kalamurzing

Independência

Dividir a mesma mala às vezes é uma questão de necessidade, porém a Dra. Arantza Pérez Mijares não aconselha. Embora o tamanho da mala deva ser coerente com o tipo e tempo de viagem, o ideal é manter alguma privacidade e preservar a “magia”, afinal, nem sempre é bom saber tudo sobre o outro.

Você deve levar em consideração que cada pessoa é diferente e que, apesar de ser o seu amor, vocês são pessoas distintas e independentes.Todo mundo tem uma maneira de ser diferente, tem diferentes expectativas e um modo absolutamente particular de viajar“, acrescenta ela. Por isso é bom definir os limites sem renunciar a essa aventura que é viajar como casal.

Não é necessário que vocês façam exatamente a mesma coisa. Em um museu, talvez você goste mais de uma pintura que outra, ou prefira passar tempo conversando com um morador local, enquanto seu parceiro tira fotografias: “Vocês não estão grudados, portanto, não precisam ir juntos em todos os lugares nem fazer tudo exatamente igual “, diz Perez Mijares. Ela reforça a teoria da independência: “Você precisa de tempo para estar com você mesmo. Um pouco de independência é muito saudável quando se viaja“, conclui a Dra.

Se você tem certeza que encontrou o amor da sua vida, descubra as 10 coisas que um CASAL tem que fazer ANTES de casar: a 6 é fundamental!

salvarFrederico Santa RosaSaiba mais sobre “Frederico Santa Rosa”
Foto: Frederico Santa Rosa
salvarPoprotskiy Alexey
Foto Shutterstock: Poprotskiy Alexey

Comunicação

Por serem dias específicos, com uma atmosfera totalmente diferente e com situações peculiares, a comunicação é fundamental e deve ser tratado com muito cuidado. “Se comuniquem de forma clara e eficaz e não usem o tom de ironia“, aconselha a psicóloga. É sempre bom para evitar mal entendidos. Bom humor também é essencial e traz alegria, especialmente em uma viagem. Além disso, isso pode ajudar a superar os piores momentos, como um atraso inesperado ou a falta de certas comodidades.

Ela destaca também a importância do bom senso e sempre analisar cada situação. Para isso, acrescenta: “Não há necessidade de dizer tudo o que você pensa, no momento em que pensa sobre isso. Cansaço, calor ou fome podem pregar peças em todos nós. Pense e avalie seu estado emocional antes de falar e evite discussões desnecessárias.” Situações estressantes podem nos levar por maus caminhos. Lembre-se que, como já falamos algumas vezes aqui no Zankyou, viajar juntos é essencial, pois a convivência revela muitos traços até então desconhecidos.

Além de viajar, veja: Como se divertir em casal, sair da rotina e fortalecer a relação: atividades TOP!

salvarSergio Ronaldo FotografiasSaiba mais sobre “Sergio Ronaldo Fotografias”
Foto: Sergio Ronaldo Fotografias
salvarMarcos Pecorari
Foto: Marcos Pecorari
salvarPikoso.kz
Foto Shutterstock: Pikoso.kz

Pronto para sua primeira viagem de casal? Sem dúvida, esse é um momento único de conexão para tirar proveito e se adaptar a cada momento.

E se você já deu um passo a frente e está planejando a sua viagem de lua de mel, veja nossa matéria QUIZ lua de mel: a viagem ideal para cada estilo de casal!

Entre em contato com as empresas mencionadas nessa matéria

Sergio Ronaldo Fotografias Fotógrafos para casamentos
Marcos Pecorari Fotógrafos para casamentos
Old Love Fotografia Fotógrafos para casamentos
Frederico Santa Rosa Fotógrafos para casamentos

Deixe seu comentário

Lista de casamentos Zankyou. Receba 100% dos seus presentes em dinheiro!