Casando com um estrangeiro: 10 detalhes fundamentais que você precisa saber!

Organizar um casamento dá trabalho, mais ainda se envolver noivos de diferentes culturas! Assim como o príncipe Harry, da família real inglesa, que escolheu a americana Meghan Markle para se casar, muitos só encontram o grande amor depois de atravessar um oceano. As opções, tradições e costumes na hora de casar podem ser muito diferentes em outros países. Além disso, é um grande passo para uma das partes deixar para trás seu país, família e amigos de longa data para começar uma vida de casado ao lado do seu amor.

Se você está vivendo um namoro à distância, sabe bem que pode ser fofo e até charmoso quando ele confunde o significado ou a pronúncia de algumas palavras ou não entende bem algum costume brasileiro no dia a dia. E se acontece normalmente, não será diferente na hora das escolhas para o casamento. Listamos alguns itens para você ficar de olho e estar preparada(o) para as surpresas que podem aparecer no início da vida a dois com um estrangeiro(a).

casamento estrangeiro
Foto: Amanda Francelino

1. Documentos necessários

É importante informar-se, logo de início, sobre todos os documentos que serão necessários para o casamento no Brasil ou no exterior. Alguns países pedirão documentos traduzidos para a língua local, como a certidão de nascimento, passaporte e outros. Para estrangeiros se casarem no Brasil, veja os documentos requeridos.

Para estrangeiros solteiros:
– Certidão de nascimento original legalizada traduzida por tradutor público juramentado no Brasil e registrada no Cartório de Registro de Títulos e Documentos
– Declaração de estado civil original legalizada traduzida por tradutor público juramentado no Brasil e registrada no Cartório de Registro de Títulos e Documentos
– Passaporte original com o carimbo de entrada no Brasil

Para estrangeiros divorciados:
– Certidão de divórcio original legalizada traduzida por tradutor público juramentado no Brasil e registrada no Cartório de Registro de Títulos e Documentos
– Certidão de casamento original legalizada traduzida por tradutor público juramentado no Brasil e registrada no Cartório de Registro de Títulos e Documentos
– Passaporte original com o carimbo de entrada no Brasil

Para estrangeiros viúvos:
– Certidão de óbito original legalizada traduzida por tradutor público juramentado no Brasil e registrada no Cartório de Registro de Títulos e Documentos
– Certidão de casamento original legalizada traduzida por tradutor público juramentado no Brasil e registrada no Cartório de Registro de Títulos e Documentos
– Passaporte original com o carimbo de entrada no Brasil

Foto: Taty Gonini

2. A família estrangeira

Por mais receptiva e agradável que seja a família que vem de fora, ela nunca será igual à sua. Tome alguns cuidados para recebê-los e para que eles te recebam da melhor maneira possível. Evite falar na língua que eles não entendem quando estiverem presentes, cuidado com piadas ou com comentários sobre famosos ou pessoas que eles não conheçam, evite usar gírias que dificultem o entendimento para estrangeiros e procure se informar sobre a cultura e país deles para ter assunto e, principalmente, para evitar qualquer constrangimento.

Foto: Alexandre Rechtman

3. Tudo é novidade!

Já que vocês foram criados em lugares diferentes, certamente terão muito o que descobrir sobre a vida, família, cultura, cidade e infância um do outro. O que é incrível para que o romance não caia na rotina. Aproveite para ser turista na sua própria cidade e para ver o seu mundo através dos olhos do parceiro, isso certamente trará um ar de novidade para o seu dia a dia.

Foto: Taty Gonini

4. Fluentes em novos idiomas

Viver culturas distintas e falar diferentes idiomas ao longo do dia, se torna uma rotina comum no casamento com estrangeiro. O ideal é que um vá ensinando aos poucos mais e mais a sua língua materna, assim, ambos se tornam fluentes no idioma um do outro! Se possível, vale até mesmo procurar aulas do novo idioma para acelerar o processo e ajudar nas partes de leitura e escrita que são mais difíceis de aprender apenas conversando.

Divulgação: Paper Pleasures

5. Mal entendidos acontecem

Se até mesmo com pessoas que criadas na mesma casa, os mal entendidos acontecem, imagina com pessoas que falam línguas diferentes? Ao se casar com estrangeiro, é importante tomar mais cuidado para evitar mal entendidos linguísticos. Algumas palavras ou expressões não têm tradução e vocês terão que fazer o possível e o impossível para se entenderem! Vale usar e abusar de fotos dos itens do casamento como decoração, flores, roupa do noivo ou vestido da noiva para garantir que tudo está saindo como o imaginado pelo casal.

Foto: Afri-Love

6. Boa dose de bom senso!

Com tanta variedade, o casamento entre culturas diferentes exige uma boa dose de bom senso, o que muitas vezes, obriga os casais a abrirem mão de alguma coisa em prol do outro. Hábitos, sonhos e composições decorativas são fatores que devem ser levados em conta durante toda a elaboração do casamento.

A cerimônia talvez seja o ponto mais crítico na hora do planejamento. Pois em diferentes culturas e religiões, a hora do “sim” pode ser muito diferente. O casal deve conversar bastante e decidir os pontos dos quais não abrem mão e aí adaptar a celebração para que atenda a todos os desejos da melhor forma possível.

Veja: como organizar um casamento sem estresse em 365 dias: siga esses 107 passos!

Fernanda Ferrão Fotografia

7. Explore e aproveite a temática do país!

Uma das coisas mais bacanas do casamento com estrangeiro é aproveitar os detalhes da cultura e gastronomia para usar no casamento. Valorizar as inúmeras possibilidades decorativas, incluir pratos locais de outros países no menu do grande dia ou até fazer toda a celebração do estilo do noivo ou noiva de fora do Brasil.

Não perca: como escolher o buffet para o seu casamento em 5 passos.

Foto Divulgação Ateliê Xongani

Um toque delicado e refinado é traduzir tudo para a família estrangeira que fará parte do casamento. Convites bilíngues, plaquinhas indicativas, menu nas duas línguas e, claro, prestar atenção no menu servido. Em algumas culturas, as vacas são animais sagrados e seria uma afronta servir qualquer prato com este tipo de carne para seus convidados, por exemplo. Pesquise para não errar!

Fotografia Zi Fernandes

8. O estereótipo do brasileiro

Infelizmente, preconceitos e estereótipos ligados às nacionalidades ainda existem. Não é nada legal, mas pode ser que a família de seu parceiro veja você de início com uma visão caracterizada pelo que eles imaginam da cultura e comportamento brasileiros. Com o tempo, você conseguirá mostrar quem realmente é independente de onde veio, mas é bom estar preparado para o momento inicial e para a possibilidade de ter que quebrar preconceitos.

Foto: Alexandre Rechtman

9. Amor sem fronteiras

Não é incrível imaginar que você encontrou o amor da sua vida do outro lado do mundo? E que vocês, mesmo nascidos em países e culturas diferentes foram feitos um para o outro? Se vocês conseguiram vencer a barreira da distância, é a certeza de que amor é forte. Então é só aprender a lidar com os outros detalhes que tudo dará certo.

Foto: ClickDois

10. Lista de casamento online

O Zankyou tem muitos noivos estrangeiros e já sabemos que a lista de casamento online facilita e muito a vida de casais que moram fora e não podem receber presentes físicos ou ajuda os convidados que não moram no Brasil a enviarem o presente. Portanto, se é este o seu caso, sem dúvida fazer uma lista de presentes no Zankyou vai facilitar, e muito, a vida de vocês e de seus convidados!

Foto Gabriel de Faria

Agora é só se preparar para o grande dia e organizar todos os detalhes e pesquisas para que tudo corra da melhor forma possível para o seu “felizes para sempre”.

Veja também: o que não pode faltar para que seu casamento seja inesquecível!

Post publicado em 03/11/2014. Post atualizado em 24/05/2018.

Deixe seu comentário

7 coisas que você PRECISA saber sobre o seu NOIVO antes de casar!
7 coisas que você PRECISA saber sobre o seu NOIVO antes de casar!
Vai casar? Essas são as 7 coisas que você precisa saber sobre o seu noivo antes de dizer o "Sim" mais importante da sua vida!
Foto: Casa Lume
5 coisas que você precisa saber se vai casar em 2018
Quem organiza um evento tão importante como esse vive, literalmente, um ano na frente de todo mundo! Confira o que deve ser prioridade agora!
Como calcular o orçamento do meu casamento: 5 passos que você precisa anotar
Como calcular o orçamento do meu casamento: 5 passos que você precisa anotar
Listamos os 5 passos que você precisa seguir para planejar o orçamento do seu casamento antes de dar a largada nos preparativos.

Crie grátis um site perfeito para seu casamento!

100% personalizável e com centenas de temas para escolher Ver mais layouts >

A sua empresa também pode estar no Zankyou!
O Zankyou oferece a oportunidade de mostrar o melhor da sua empresa para milhares de noivos que nos utilizam na organização do seu casamento em 23 países. Mais informações