Sexo no primeiro encontro, sim ou não, eis a questão!

Sexo no primeiro encontro, sim ou não, eis a questão!

Quanto tempo se espera para fazer sexo a primeira vez? Veja aqui a resposta para essas e outras perguntas!

  • Vida a dois
  • Conselhos
  • Casal

Quanto o sexo afeta os relacionamentos a longo prazo? Estudos revelam que, por um lado, o sexo é essencial para o desenvolvimento do relacionamento, principalmente quando falamos de química sexual – que costuma ser um dos fatores que nos ajudam a decidir se queremos continuar com a relação ou não. Por outro lado, casais que optaram por deixar o sexo como fator secundário deram mais espaços para questões como comunicação e confiança. Então quanto tempo as pessoas esperam para fazer amor pela primeira vez com alguém novo?

Conheça os 7 tipos de amor: qual é o seu?

salvarFoto: Jairo Crena
Foto: Jairo Crena

Em uma pesquisa realizada pela empresa de produtos eróticos Adam & Eve, mais de 1000 adultos responderam a essa pergunta e cerca de 10% dos entrevistados afirmaram que gostariam de ter relações sexuais no primeiro encontro. No entanto, na prática, a maioria disse optar por esperar mais tempo. De fato, 39% das pessoas preferiram esperar ao menos um mês para ter relações sexuais, 34% optaram por menos de um mês e 17% tiveram relações em um mês exato.

Amor real aqui e agora: porque contos de fadas não existem e isso é ótimo!

salvarFoto: Layla EloáSaiba mais sobre “Layla Eloá Fotografias”
Foto: Layla Eloá Fotografias

Não perca as últimas novidades para o seu casamento

Assine nossa newsletter

Esta não é a primeira vez que pesquisadores focaram neste tipo de pergunta. Em muitos estudos anteriores, os profissionais exploraram este tema para encontrar o vínculo, se é que existe, entre o início da intimidade física e a satisfação da relação como um todo. Mas afinal, há um momento certo para se fazer sexo pela primeira vez em um relacionamento? Veja a seguir algumas teorias e resultados de pesquisas sobre os melhores momentos para ter relações sexuais com uma pessoa nova.

salvarJairo Crena
Foto: Jairo Crena

1. Quando termina a fase de “lua de mel”

Quando estamos na fase “de lua de mel“, estamos conhecendo a pessoa e tudo é intenso. Por isso, a pessoa que tem a sua frente parece ser o amor da sua vida. No entanto, quando essa fase intensa passa, a tendência é estar com os “pés no chão” e a relação passa a se basear em algo mais concreto. O grande problema: a fase de lua de mel dura cerca de três anos.

Dormir juntos na véspera do casamento? Nossos leitores contam o que pensam!

salvarFoto: Frankie Costa PhotographerSaiba mais sobre “Frankie Costa Photographer”
Foto: Frankie Costa Photographer

2. Depois do primeiro encontro

De acordo com estudos, o amor e a luxúria se originam da mesma área de nossos cérebros. Não estão totalmente separados em como pensamos. Segundo esta teoria, o amor é, na verdade, um hábito que se forma a partir do desejo sexual como parte do desejo recompensado. Resumindo: as pessoas podem apaixonar-se depois de ter relações sexuais. Inclusive em casos de amor a primeira vista, a maioria das pessoas querem consumar o ato sexual.

Saiba os 10 hábitos DIÁRIOS de casais felizes: o número 5 faz toda a diferença!

salvarFoto: Lucía Romero
Foto: Lucía Romero

3. Depois de 5 encontros

De acordo com resultados de uma pesquisa realizada através do site de encontros OkCupid, que comparou dados de aproximadamente um milhão de usuários, as pessoas são 19% mais abertas a ter relações sexuais no primeiro encontro, no entanto, consideram que o momento ideal é depois de 5 encontros.

Confira: 1º ano de casados: 12 coisas que vão acontecer SIM, ou SIM!

salvarFoto: Frankie Costa
Foto: Frankie Costa

4. Sempre que desejar

O prazer sexual é um dos elementos chave em uma relação feliz. Ter relações sexuais de imediato pode não ser uma boa ideia quando as duas pessoas não estão em sintonia. Em todo caso, a decisão é dos dois. Classificar a frequência sexual e o desejo sexual como uma prioridade não tem por que ser ruim. Ter confiança e comprometer-se com uma vida sexual prazerosa e apimentada pode ser crucial para uma relação plena.

salvarFoto: Alegría Photography
Foto: Alegría Photography

Acreditamos que, na verdade, não existe a hora certa para fazer sexo. Isso depende de você e do seu parceiro. O importante é que se sinta bem, feliz, segura e que você esteja com alguém que a respeite. E você, o que acha sobre isso?

Leia também: Sexo 10, vergonha 0: saiba como manter MUITO apimentada uma relação longa! e Amor sem fim: 10 segredos que farão de vocês um casal ainda mais feliz!

Escolha os fornecedores que você quer contatar.

Frankie Costa Photographer Fotógrafos para casamentos
Layla Eloá Fotógrafos para casamentos